DEZ MANDAMENTOS PARA O REFINAMENTO PESSOAL

Artigo por: Gustavo Huber

I - Mais que um fim, a felicidade é um processo: as pessoas felizes são aquelas que aprenderam a curtir a vida apesar das adversidades e não temem enfrentar os obstáculos, fazem deles uma ponte para transpor com harmonia novos caminhos.   

II – Todas as vezes que você diz que fará uma coisa e termina fazendo outra totalmente diferente estará enfraquecendo seu poder pessoal. Por isso, pense bem antes de anunciar uma decisão a alguém ou em público. Confiança não se compra, se conquista.

III – Aceite a incerteza como um elemento essencial da vida. As soluções emergirão dos próprios problemas, e mesmo da desordem e do caos. Hoje só temos duas certezas: as mudanças e a morte. Quem disser outra coisa estará ignorando a própria vida.

IV – Não confunda os significados: sucesso financeiro, com sucesso da fama. O sucesso é um conceito que vária de pessoa para pessoa – o autoconhecimento é a fórmula para saber distinguir uma coisa da outra, só assim o sentimento de realização será sentido.

V – Cada um deve traçar sua própria trajetória rumo à redenção espiritual, com seu ritmo e suas peculiaridades. Não há idade certa para realizar os sonhos. Grandes empresários só se realizaram depois dos sessenta anos de idade.

VI – Viver de bem com a vida á a arte de aproveitar cada momento do presente em seus detalhes mais ínfimos. Viver bem é não esquentar com coisa alguma, é viver aceitando os dois lados da vida como uma conquista a mais e não um problema a mais.

VII – Confiança é como um vírus útil que se espalha por todo o seu corpo. Se você o tem, ira contagiar tudo o que faz de forma positiva. A confiança está diretamente relacionada com a segurança do autoconhecimento que se busca. Pode-se afirmar que só conhecimento pouco se resulta, a compreensão sobre o assunto é que a define.

VIII – Examine seus medos, exponha-os à luz da razão. Aprenda a rir deles, mas também respeite a sua intuição. A intuição é a “voz do coração” pelo aprendizado que se soma com a vivência ativa. - Faculdade de perceber, discernir ou pressentir coisas, independentemente de raciocínio ou de análise.

IX – Você é aquilo que deseja ser. Basta decidir que nada poderá derrotá-lo, e assim sempre será. Ninguém pode te fazer sentir-se inferior sem o seu próprio consentimento. Seja sempre mais você, afinal você é merecedor.

X – Os erros e contratempos são oportunidades de aprendizado. Nunca se esqueça disso, pois a tendência imediata é nos lastimarmos, culparmos os outros ou nos sentirmos injustiçados. Diante de algum dissabor, pare e analise. Não para acusar-se, mas para aprender e crescer.

Observação: esses conselhos foram extraídos dos melhores livros de autoajuda de autores nacionais e de traduções estrangeiras do mundo todo. – Dalai Lama – Deepak Chopra – Lair Ribeiro – Roberto Shinyashiki – Gustavo Huber – Dale Carnige – Luiz Marins – Içami Tiba – Entre outros.

 

Gustavo Huber é diretor da Huberconsultoria Desenvolvimento Empresarial
Vendas & Marketing - Para contatá-lo huber@huberconsultoria.com – (19) 9178-5031